quinta-feira, 23 de março de 2017

Resultado da Eleição do Grêmio Estudantil 2017


A eleição ocorreu  hoje em todos os períodos 

A posse  da chapa vencedora acontecerá  amanhã  (24/3/2017)
Parabéns  à  chapa vencedora e a todos que participaram  desse momento  democrático!






quinta-feira, 9 de março de 2017

Relembrando...Grêmio Estudantil!!!

Protagonismo juvenil: eleição do Grêmio Estudantil

Este ano de 2016 está certamente marcado pela intensa movimentação política. São manifestações e eleições que tornam o cenário político ao mesmo tempo agitado e fonte de aprendizado. E a Escola Estadual Deputado Gregório Bezerra, localizada no bairro de Vila Paulina, não está de fora desta onda de democracia e participação.
Desde o início do ano letivo, a unidade escolar, seguindo a tradição desde 2010, organiza e planeja o exercício do Grêmio Estudantil em sua total potencialidade.
O Grêmio Estudantil, de fato, é um dos colegiados das escolas públicas do Estado de São Paulo. Junto à Associação de Pais e Mestres (APM) e do Conselho de Escola, é o local apropriado e por definição onde os estudantes regularmente matriculados têm a oportunidade de exercer sua plena participação junto à gestão do espaço escolar. Em outras palavras, o Grêmio Estudantil tem a função e autonomia para elaborar propostas e projetos, organizar e sugerir atividades para a escola.
É muito importante lembrar o conceito de protagonismo estudantil (ou juvenil) como a possibilidade de transposição didática dos ricos e caros conteúdos que a Sociologia, a Filosofia e a Pedagogia provêm aos estudantes para seu cotidiano local. Desde modo, o protagonismo juvenil (ou estudantil) que o Grêmio exerce deve partir do conceito de que a ação do jovem é personagem central na tomada de decisões dentro do ambiente escolar. Ou seja, nas escolas, o estudante tem voz e precisa de representação por meio de seu colegiado institucionalizado, que é o Grêmio Estudantil. 
O grêmio estudantil é marcadamente o foco das atenções e grande exemplo de materialização do conceito de protagonismo juvenil ou estudantil. Sua história remonta há décadas e por meio dela tem muito da história política brasileira. A década de 1960 registra a ascensão das agremiações e sua participação política é evidente, inclusive no confronto com os governos da ditadura militar.
O exercício da democracia participativa é tônica do Grêmio Estudantil, colaborando para a atuação e reflexão dentro e fora da escola. Por definição, também, o grêmio é local de aprendizagem de valores, de cidadania e de convivência das diferenças. Um Grêmio Estudantil forte e articulado incrementa a formação de identidade e do senso crítico do jovem, contribui para o aumento da participação e o protagonismo dos estudantes da escola, organiza eventos que promovam a integração e o aumento dos níveis de proficiência, possibilita ao jovem experimentar a vida política de modo participativo, estabelece uma cultura de paz, contribui para o aumento da participação e o protagonismo dos estudantes da escola.
Especificamente neste ano de 2016, a Escola Estadual Deputado Gregório Bezerra organizou um calendário mais extenso para planejar o Grêmio Estudantil. Logo no início do semestre, em Fevereiro, os estudantes começaram a dialogar, em sala de aula, sobre a responsabilidade e a importância do Grêmio. Neste mesmo período, foram eleitos os representantes de sala em todos os turnos de aula: manhã, tarde e noite. Tanto no Ensino Fundamental quanto no Médio. Os professores de História e Sociologia acompanharam os debates e mediaram os diálogos.
No início do mês de Março houve as primeiras reuniões por entre todos os representantes nos seus respectivos períodos, realizada pela direção. Após este debate, em 4 de Março foi realizada entre representantes e direção a Assembleia Geral. Neste encontro, as linhas que orientariam a formação das chapas, a eleição e a posse do Grêmio foram amplamente discutidas e revisadas. O estatuto do Grêmio foi retomado e explicado pontualmente.
Os estudantes, então, tiveram os dias 7 e 8 de Março para conversar com seus pares e realizar a inscrição das chapas que concorreriam à eleição. Todas as chapas proponentes entregaram um texto da plataforma eleitoral contendo tudo que seria discutido durante a campanha. Foram seis chapas inscritas corretamente: Revolução estudantil, Tá tranquilo tá favorável, Geração Consciente, Revolução classe A, Império Estudantil e Geradores de Respeito.
Acompanhados dos educadores, os estudantes realizaram nos dias 9 e 10 de Março a campanha eleitoral de fato. Houve a possibilidade de confecção de cartazes, “santinhos” e até páginas de divulgação nas redes sociais. É evidente que o ponto alto foi a entrada monitorada das chapas por entre as turmas, em todos os períodos. Certamente um dos momentos mais ricos da prática democrática, os estudantes estiveram livres para apresentar suas propostas de melhorias e intervenções. O debate político floresceu dentro de sala de aula e pelos corredores da unidade. Educadores, responsáveis, gestão e estudantes em um uníssono de discussão e participação.
Finalmente em 11 de Março ocorreu a tão esperada eleição do Grêmio. A eleição, pelo terceiro ano consecutivo, ocorreu no formato digital, nos computadores da escola e sob constante supervisão da comissão eleitoral, composta por dois professores e representantes de sala. Acompanham também os fiscais de chapas. Todos os períodos, desde a manhã até a noite, sala por sala, foram convidados a fazer fila e exercer o direito político e democrático do voto consciente.
Foi um dia de festa e celebração. Não faltou competição saudável entre os estudantes. E o tão esperado resultado foi divulgado também online no blog da escola (http://eedeputadogregoriobezerra.blogspot.com.br/).
A chapa vencedora foi a Revolução Classe A, com 33,2% dos votos. Um aspecto interessante desta chapa é sua composição, pois ela agrega membros dos três turnos da escola, passando tanto pelo Ensino Médio quanto pelo Fundamental, ou seja, em outras palavras, eles optaram por uma chapa bem ampla e de fato representativa dos estudantes. Cabe destaque para a estudante Rebeca Safira Nunes, do 1ª série B do Ensino Médio, turno da tarde. Ela é a coordenadora geral da chapa e passa, então, a comandar as ações do Grêmio. Os integrantes eleitos já haviam se subdivido nas coordenadorias de Relações Acadêmicas, Comunicação, Esportes, Financeiro, Cultura, Social e Meio Ambiente.
Para registro, em segundo lugar ficaram os estudantes da Geração Consciente e seus 26,9% dos votos. Em terceiro o Império Estudantil e 17,5% dos eleitores. 13,6% votaram nos Revolução Estudantil. Os outros 8,8% dos votos ficaram divididos entre Tá tranquilo tá favorável Geradores de Respeito.
Escola Estadual Deputado Gregório Bezerra tem um diferencial a partir desta linha de atuação com o Grêmio, pois acredita que não basta tão somente a eleição, tão somente este rico processo de discussão em que todos, sem dúvida, já ganharam. A escola passa, em Abril, a realizar a formação destes estudantes para que suas atuações sejam potencializadas e consolidadas. O professor de Sociologia realiza um calendário de palestras e práticas que convidam os eleitos ao pleno exercício de suas funções. 
Temas como política, representação, democracia, organização de uma assembleia, elaboração de pautas e projetos, critérios de aprovação, modos de organização e deliberação, contato com a gestão da escola entre outros são tratados em um ciclo de encontros e palestras. O estatuto do Grêmio, que garante todos os “direitos e deveres” é percorrido novamente para que a ação dos estudantes esteja sempre dentro da legalidade e dos pressupostos de coerência do colegiado.
A posse, com todo o cerimonial que merece, também ocorreu na presença de estudantes, professores, gestores e responsáveis. Os termos de posse de todos os eleitos em todas as coordenadorias foi assinado e o colegiado recebeu os votos de bom trabalho e apoio de todos os envolvidos na comunidade escolar.
Neste sentido, a Escola Estadual Deputado Gregório Bezerra quer colaborar para um Grêmio representativo de fato. Eficaz e eficiente em sua tarefa de incrementar os canais de diálogo e atuação da unidade escolar e definitivamente dar voz e vez aos estudantes junto à construção de uma educação de qualidade.

Eric Vellone Coló, professor de Sociologia.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Horário 2017

Manha
SEGUNDA
6º ano A
6º ano B
6º ano C
6º ano D
6º ano E
7º ano A
7º ano B
7º ano C
9º ano A
9º ano B
1ª AULA
Ana Tercia
Granjero
Ana Marcia
Luciana
Viviane
Claudia
Hebe
Cristiano
Dalila
Gerson
2ª AULA
Ana Tercia
Granjero
Ana Marcia
Luciana
Viviane
Claudia
Hebe
Cristiano
Dalila
Gerson
3ª AULA
Claudia
Luciana
Ana Tercia
Ana Marcia
Hebe
Viviane
Odilon
Dalila
Gerson
Cristiano
4ª AULA
Claudia
Luciana
Ana Tercia
Ana Marcia
Hebe
Benedito
Odilon
Dalila
Gerson
Cristiano
5ª AULA
Granjero
Ana Marcia
Luciana
Ana Tercia
Claudia
Benedito
Dalila
Odilon
Cristiano
Hebe
6ª AULA
Granjero
Ana Marcia
Luciana
Ana Tercia
Benedito
Viviane
Dalila
Odilon
Cristiano
Hebe
TERÇA
6º ano A
6º ano B
6º ano C
6º ano D
6º ano E
7º ano A
7º ano B
7º ano C
9º ano A
9º ano B
1ª AULA
Luciana
Ana Marcia
Claudia
Ana Tercia
Viviane
Hebe
Cristiano
Odilon
Dirce
Dalila
2ª AULA
Luciana
Ana Marcia
Claudia
Ana Tercia
Viviane
Hebe
Cristiano
Odilon
Dirce
Dalila
3ª AULA
Ana Marcia
Luciana
Ana Tercia
Claudia
Hebe
Viviane
Dirce
Dalila
Odilon
Cristiano
4ª AULA
Ana Marcia
Luciana
Ana Tercia
Claudia
Hebe
Viviane
Dirce
Dalila
Odilon
Cristiano
5ª AULA
Ana Tercia
Claudia
Luciana
Hebe
Dirce
Benedito
Viviane
Cristiano
Dalila
Odilon
6ª AULA
Ana Tercia
Granjero
Luciana
Hebe
Dirce
Benedito
Viviane
Cristiano
Dalila
Odilon

QUARTA
6º ano A
6º ano B
6º ano C
6º ano D
6º ano E
7º ano A
7º ano B
7º ano C
9º ano A
9º ano B
1ª AULA
Claudia
Ana Marcia
Granjero
Luciana
Viviane
Dirce
Gerson
Ana Tercia
Hebe
Dalila
2ª AULA
Claudia
Granjero
Ana Marcia
Luciana
Viviane
Dirce
Gerson
Ana Tercia
Hebe
Dalila
3ª AULA
Luciana
Claudia
Ana Marcia
Gerson
Odilon
Cristiano
Ana Tercia
Dalila
Viviane
Dirce 1
4ª AULA
Luciana
Ana Marcia
Claudia
Gerson
Odilon
Cristiano
Ana Tercia
Dalila
Viviane
Dirce 1
5ª AULA
Granjero
Dulcinéia
Luciana
Hebe
Benedito
Odilon
Dalila
Dirce
Cristiano
Viviane
6ª AULA
Granjero
Dulcinéia
Luciana
Hebe
Benedito
Odilon
Dalila
Dirce
Cristiano
Viviane
QUINTA
6º ano A
6º ano B
6º ano C
6º ano D
6º ano E
7º ano A
7º ano B
7º ano C
9º ano A
9º ano B
1ª AULA
Dirce
Claudia
Granjero
Ana Marcia
Cristiano
Viviane
Odilon
Gerson
Ana Tercia
Hebe
2ª AULA
Dirce
Claudia
Granjero
Ana Marcia
Cristiano
Viviane
Odilon
Gerson
Ana Tercia
Hebe
3ª AULA
Ana Marcia
Luciana
Gerson
Dirce
Odilon
Claudia
Ana Tercia
Viviane
Hebe
Cristiano
4ª AULA
Ana Marcia
Luciana
Gerson
Dirce
Odilon
Claudia
Ana Tercia
Viviane
Hebe
Cristiano
5ª AULA
Gerson
Dulcinéia
Dirce
Viviane
Claudia
Odilon
Cristiano
Hebe
Dalila
Ana Tercia
6ª AULA
Gerson
Dulcinéia
Dirce
Viviane
Benedito
Odilon
Cristiano
Hebe
Dalila
Ana Tercia
SEXTA
6º ano A
6º ano B
6º ano C
6º ano D
6º ano E
7º ano A
7º ano B
7º ano C
9º ano A
9º ano B
1ª AULA
Ana Marcia
Gerson
Viviane
Luciana
Claudia
Benedito
Cristiano
Hebe
Ana Tercia
Dalila
2ª AULA
Ana Marcia
Gerson
Viviane
Luciana
Claudia
Benedito
Cristiano
Hebe
Ana Tercia
Dalila
3ª AULA
Luciana
Viviane
Ana Marcia
Claudia
Gerson
Hebe
Dalila
Ana Tercia
Cristiano
Odilon
4ª AULA
Luciana
Viviane
Ana Marcia
Claudia
Gerson
Hebe
Dalila
Ana Tercia
Cristiano
Odilon
5ª AULA
Viviane
Dirce
Claudia
Ana Marcia
Benedito
Gerson
Hebe
Cristiano
Odilon
Ana Tercia
6ª AULA
Viviane
Dirce
Granjero
Ana Marcia
Benedito
Gerson
Hebe
Cristiano
Odilon
Ana Tercia
Tarde

SEGUNDA
8º ano A
8º ano B
8º ano C
9º ano C
9º ano D
1º ano A
1º ano B
1º ano C
2º ano A
2º ano B
1ª AULA
Benedito
Nilza
Granjero
Jeruza
Ana Tercia
Elisa
Sheila
Odilon
Cristiano
Hebe
2ª AULA
Nilza
Marcia
Granjero
Jeruza
Ana Tercia
Elisa
Sheila
Odilon
Cristiano
Hebe
3ª AULA
Odilon
Granjeiro
Jeruza
Ana Tercia
Benedito
Hebe
Nilza
Sheila
Marcia
Cristiano
4ª AULA
Odilon
Granjeiro
Jeruza
Ana Tercia
Benedito
Pedro
Nilza
Sheila
Marcia
Cristiano
5ª AULA
Ana Tercia
Marcia
Odilon
Dalila
Jerusa
Benedito
Cristiano
Pedro
Nilza
Elisa
6ª AULA
Granjeiro
Ana Tercia
Dirce
Dalila
Jerusa
Benedito
Marcia
Pedro
Nilza
Elisa








TERÇA
8º ano A
8º ano B
8º ano C
9º ano C
9º ano D
1º ano A
1º ano B
1º ano C
2º ano A
2º ano B
1ª AULA
Nilza
Odilon
Cristiano
Granjeiro
Ana Tercia
Eric
Sheila
Leandro
Hebe
Dirce 1
2ª AULA
Nilza
Odilon
Cristiano
Granjeiro
Ana Tercia
Eric
Leandro
Sheila
Hebe
Dirce 1
3ª AULA
Ana Tercia
Cristiano
Marcia
Odilon
Dirce
Pedro
Sheila
Eric
Nilza
Ed Jr
4ª AULA
Leandro
Cristiano
Granjero
Odilon
Dirce
Pedro
Hebe
Eric
Claudia
Ed Jr
5ª AULA
Cristiano
Granjeiro
Ana Tercia
Dalila
Odilon
Dulcineia
Elisa
Andre
Sheila
Leandro
6ª AULA
Cristiano
Granjeiro
Ana Tercia
Dalila
Odilon
Dulcineia
Elisa
Andre
Sheila
Leandro
QUARTA
8º ano A
8º ano B
8º ano C
9º ano C
9º ano D
1º ano A
1º ano B
1º ano C
2º ano A
2º ano B
1ª AULA
Odilon
Ana Tercia
Jeruza
Dirce
Granjeiro
Hebe
Andre
Cristiano
Leandro
Nilza
2ª AULA
Ana Tercia
Dirce
Jeruza
Odilon
Granjeiro
Benedito
Andre
Cristiano
Leandro
Nilza
3ª AULA
Granjeiro
Marcia
Leandro
Dirce
Benedito
Claudia
Cristiano
Sheila
Nilza
Andre
4ª AULA
Odilon
Marcia
Leandro
Ana Tercia
Benedito
Cristiano
Claudia
Dirce
Nilza
Andre
5ª AULA
Nilza
Ana Tercia
Marcia
Leandro
Jeruza
Cristiano
Dirce
Pedro
Claudia
Ed Jr
6ª AULA
Benedito
Nilza
Odilon
Ana Tercia
Jeruza
Pedro
Sheila
Leandro
Marcia
Ed Jr
QUINTA
8º ano A
8º ano B
8º ano C
9º ano C
9º ano D
1º ano A
1º ano B
1º ano C
2º ano A
2º ano B
1ª AULA
Benedito
Nilza
Ana Tercia
Jeruza
Leandro
Sheila
Dulcineia
Elisa
Andre
Nana
2ª AULA
Benedito
Nilza
Ana Tercia
Jeruza
Leandro
Sheila
Dulcineia
Elisa
Andre
Nana
3ª AULA
Leandro
Ana Tercia
Marcia
Odilon
Cristiano
Dirce
Nilza
Claudia
Dulcineia
Sheila
4ª AULA
Nilza
Dirce
Marcia
Leandro
Cristiano
Pedro
Eric
Claudia
Dulcineia
Odilon
5ª AULA
Ana Tercia
Marcia
Granjero
Cristiano
Odilon
Claudia
Dirce
Pedro
Eric
Nilza
6ª AULA
Nilza
Marcia
Dirce
Cristiano
Odilon
Benedito
Claudia
Pedro
Eric
Ed Jr
SEXTA
8º ano A
8º ano B
8º ano C
9º ano C
9º ano D
1º ano A
1º ano B
1º ano C
2º ano A
2º ano B
1ª AULA
Granjeiro
Odilon
Jeruza
Dalila
Benedito
Leandro
Hebe
Sheila
Dirce
Nilza
2ª AULA
Granjeiro
Odilon
Jeruza
Dalila
Benedito
Leandro
Marcia
Sheila
Dirce
Nilza
3ª AULA
Dirce
Nilza
Marcia
Granjeiro
Jeruza
Benedito
Leandro
Hebe
Elisa
Sheila
4ª AULA
Dirce
Nilza
Marcia
Granjeiro
Jeruza
Andre
Eric
Hebe
Elisa
Odilon
5ª AULA
Benedito
Leandro
Odilon
Jeruza
Granjeiro
Dirce
Nilza
Sheila
Marcia
Eric
Noite

SEGUNDA
2º ano C
2º ano D
3º ano A
3º ano B
3º ano C
1ª AULA
Lucimara
Pedro
Dirce
Ed Jr
Jerusa
2ª AULA
Dirce
Pedro
Ana Lucia
Ed Jr
Jerusa
3ª AULA
Pedro
Dirce
Ed Jr
Elisa
Ana Lucia
4ª AULA
 Pedro
Jeruza
Ed Jr
Lucimara
Elisa
5ª AULA
Ed Jr
Lucimara
Ana Lucia
Pedro
Elisa

TERÇA
2º ano C
2º ano D
3º ano A
3º ano B
3º ano C
1ª AULA
Eric
Pedro
Dirce
Ed Jr
Lucimara
2ª AULA
Ed Jr
Dirce
Jerusa
Eric
Pedro
3ª AULA
Jerusa
Eric
Pedro
Lucimara
Ed Jr
4ª AULA
Jerusa
Lucimara
Pedro
Ana Lucia
Ed Jr
5ª AULA
Pedro
Jerusa
Ed Jr
Ana Lucia
Lucimara
QUARTA
2º ano C
2º ano D
3º ano A
3º ano B
3º ano C
1ª AULA
Gilberto
Fátima
Ed  Jr
Jeruza
Pedro
2ª AULA
Fátima
Ed Jr
Lucimara
Gilberto
Pedro
3ª AULA
Fátima
Ed Jr
Gilberto
Pedro
Lucimara
4ª AULA
Ed Jr
Fátima
Lucimara
Pedro
Gilberto
5ª AULA
Lucimara
Gilberto
Pedro
Ed Jr
Fátima
QUINTA
2º ano C
2º ano D
3º ano A
3º ano B
3º ano C
1ª AULA
Elisa
Ed Jr
Lucimara
Dirce
Pedro
2ª AULA
Elisa
Ed Jr
Lucimara
Pedro
Dirce
3ª AULA
Ed Jr
Elisa
Pedro
Lucimara
Dirce
4ª AULA
Dirce
Pedro
Elisa
Lucimara
Ed Jr
5ª AULA
Pedro
Lucimara
Elisa
Dirce
Ed Jr
SEXTA
2º ano C
2º ano D
3º ano A
3º ano B
3º ano C
1ª AULA
Ana Lucia
Lucimara
Gilberto
Elisa
Eric
2ª AULA
Lucimara
Ana Lucia
Jerusa
Gilberto
Eric
3ª AULA
Ana Lucia
Elisa
Fátima
Eric
Gilberto
4ª AULA
Lucimara
Gilberto
Eric
Fátima
Ana Lucia
5ª AULA
Gilberto
Ana Lucia
Eric
Jerusa
Lucimara

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...