terça-feira, 22 de abril de 2014

Semana de Incentivo à leitura

Amanhã (dia 23 de abril) é comemorado o Dia Mundial do Livro!
Em comemoração ao dia, trabalhamos a semana de incentivo á leitura (17 a 23).
Cada professor trabalhando em sua disciplina, incentivando e lendo do seu jeito...
recebemos o relato da Professora Dalila Silva de matemática e gostaríamos de compartilhar...Relato riquíssimo envolvendo leitura, interação e uso das novas tecnologias! Aproveitem!

Semana da leitura
Compartilho com vocês a experiência de um dia em que sai da escola muito feliz:
Durante as reuniões de ATPC, havia ouvido falar da semana da leitura, pensei, enquanto professora de matemática leio o que é pertinente ao conteúdo, histórias que já estão no livro didático, no caderno do aluno... mas naquele dia foi diferente, a diretora passou de sala em sala entregando livros para os alunos, por fim pediu para que eu e alguns professores entregassem e 3 salas que não havia dado tempo.Eu levei para os alunos do 7º ano A,entrei na sala e falei,trouxe um presente para vocês, eles perguntaram:ovo de páscoa???Respondi: não, melhor que isto. Que presente um professor pode dar para um aluno se não um livro? Eles receberam e questionaram é meu? Respondi que sim.
       Notei então, que não haviam gostado da capa, expliquei vocês tem o direito de ler um livro e não gostar, mas não podem julga-lo pela capa, o livro era O Flautista Misterioso e os ratos de Hamelim  (Braulio Tavares) sugeri então que  começassem a ler, poderiam utilizar 20 minutos enquanto eu fazia a chamada e algumas anotações no diário, o silencio se instalou....todos liam...acabou os vinte minutos...não tive coragem de interromper,mais dez minutos se passaram,eu falei então vamos voltar aqui e eles responderam, "deixa a gente continuar", percebi então que a aula já havia começado, esbocei um sorriso, aquele silêncio e concentração era o sonho de qualquer professor.
      Ouvi uma risada no fundo da sala, perguntei ao aluno, você já terminou? Ele respondeu que sim, (não acreditei) falei então venha aqui e nos conte o que você leu. O aluno se levantou, pedi a atenção da turma para ele, e perguntei qual o nome do livro?Ele sorriu e disse esqueci, (pensei, não leu) os alunos então disseram: O Flautista Misterioso e os ratos de Hamelim, e eu disse conte-nos a história, o aluno começou a contar, com riqueza de detalhes,eu olhava para os demais alunos  e eles balançavam a cabeça,confirmando, quando ele terminou, todos bateram palmas, eu disse parabéns, ganhou um ponto na média...

Depois dele, outros erguiam o braço e pediam para contara a historia, ouvi mais dois alunos, cada um acrescentava um detalhe, a turma fazia intervenção, quando outro e outro ergueram a mão a aula acabou....
     Fui então para o 8ºano E, estava me sentindo realizada com a experiência bem sucedida que acabara de vivenciar, dei boa tarde, e perguntei ganharam livros? Responderam sim, com certo desanimo, notei que o mesmo se repetia, julgavam pela capa! Foliei o de uma aluna e notei que tinha uma linguagem muito jovem, Todos Contra Dante (Luiz Dill), fiz o mesmo discurso que havia feito na sala anterior, não julguem o livro pela capa, e disse, vocês terão um feriado para ler, depois me contem; uma aluna respondeu, feriado pra ler? Porque você não deixa ler na sua aula então? Pensei, porque não? Fizemos o combinado se todos iriam de fato ler, logo um grupo de meninas se juntou no fundo da sala, outros liam sozinhos e silenciosos, do grupo ouvia-se risadas, pensei, não estão lendo, me aproximei e me surpreendi, todas com o livro aberto,cada uma lia uma parte, duas faziam os diálogos, riam das gírias (fazia mesmo parte do cotidiano delas) umas apresentavam excelente leitura, outras nem tanto, mais o grupo esperava e ajudava aquelas que liam com maior dificuldade.

Me convidaram para ler um diálogo com elas, eu e a Karol, a leitura dela é muito boa, riam quando eu lia, "a professora falando Gíria”.

  Aos poucos, fomos todos ficando tenso, o livro era sobre BULLYNG, já imaginávamos que algo  muito grave tinha acontecido ao jovem Dante, eu tentava conter a ansiedade de alguns que queriam ir para o final do livro,era difícil parar de ler.... a aula acabou, todos disseram que terminariam em casa, eu seguia ansiosa para terminar a leitura, até que abri o meu Facebook e pra minha surpresa:


Aluna Estela: 13 horas atrásMeninas descobri o mistério Ta na cara nee olha o nome do livro...Foi o Dante.. Mais não tenho certeza nada melhor q ler o livro nee...Kkkk — com Dalila Silva e Karolzinha Moreira. Aluna Estela:Nossa eu fui longe agora nee não foi dante kkkkk — com Dalila Silva e Karolzinha Moreira.•  Estela Santos Ee antes de chegar no final todo mundo Seee entrega as pessoas do grupa laa então foi elas aí fica um jogando a culpa pro outro aí parei de ler pra fazer o trabalho, mas faltam 4 páginas.há 10 horas 
Estela Santos: Kkk coitada da Dalila Silva queria tanto ler e nós contamos toda a história.....há 10 horas • Curtir Estela Santos Kk
Nossa Dalila Silva e Karolzinha Moreira eu terminei o livro então eles mataram o menino e ninguém fica sabendo...E essa história e baseada em uma história de uma menina de 13 anos q morreu do mesmo jeito q o menino do livro e transformaram em história...Mas é muito forte isso....Estela Santos há 9 horasNossa muito triste o fim da história...Dalila Silva e Karolzinha Moreira

•  Dalila Silva: Fico feliz por vc ter lido e gostado do livro,mas não se deve contar o final para quem ainda esta lendo!17 de abril às 17:09 • Curtir•   Estela Santos Kkkk mas é bom o final não eh17 de abril às 17:22 • Curtir•   Estela Santos Eu não me aguentei queria contar pra ti...Kkkk17 de abril às 17:22 • Curtir•   Dalila Silva Obrigada!!!Conversamos depoishá 18 horas • Curtir•   Estela Santos Kkkkkhá 17 horas • Curtir
      Enfim, contaram-me o final da história. Mas saí muito feliz com a experiência vivida com os meu alunos na semana da leitura, compreendi que a competência leitora e escritora é mais que um dever de todo professor, pode ser  uma oportunidade muito rica, como esta que vivi com os meus alunos, de aprender, discutir, aguçar a curiosidade e surpreendê-los com algo diferente, como o dia em que na aula e matemática, lemos um livro.

Professora Dalila Silva


LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...